Mapa Site: Programas-Casa do Hip Hop-Studio Criativo-Saberes e Sabores

LOGO SABERES.png

 

O Projeto “SABERES E SABORES DO VALE DO PARAÍBA” é um projeto de sarau artístico integrado realizado dentro do Studio Criativo – Ateliê de Artes Urbanas e Populares, com a coordenação de Jeane Avelar (Produtora Cultural) e Tia Duda (Bonequeira e Contadora de Historias).

 

Sendo realizado há anos o evento reúne uma vez a cada três meses artistas das mais diversas áreas, poetas, escritores, violeiros, calangueiros, tropeiros, artistas circenses, além da comunidade local, professores e alunos de escolas do entorno do espaço Studio Criativo.

 

O Projeto “SABERES E SABORES DO VALE DO PARAÍBA” busca promover o encontro de pessoas que desejam dialogar, conhecer, experimentar e compartilhar saberes e sabores, e valorizar os mestres do saber popular. Promovendo encontros onde apresentamos livros e seus autores, musicas e seus compositores, sempre com uma roda de conversa, acompanhada de um sabor local (bolinho caipira, caldos e outros), seguido de uma apresentação e microfone aberto às manifestações espontâneas.

 

Buscando incentivar a leitura, a escrita, o dialogo o fazer e criar permitindo com que esses possam ganhar outros espaços da cidade.

 

Enquanto linguagem; busca chamar a atenção das autoridades para as necessidades de mais espaços como esse que possibilite essas expressões de saberes periféricos em dois sentidos:

 

  • Primeiro por estarem literalmente na periferia da cidade;

 

  • Segundo por estar nos programas e plataformas governamentais em segundo plano, pois o que esta em primeiro normalmente são as manifestações de massa, que nem sempre visam os munícipes e sim os visitantes.

 

O Projeto “SABERES E SABORES DO VALE DO PARAÍBA” trata-se de um conjunto de ações (exposição, registro, catalogação, transmissão de conhecimento e distribuição cultural) de celebração literária e as artes e cultura regional, urbana e popular.

                             

O projeto “SABERES E SABORES DO VALE DO PARAÍBA” busca manter viva a essência do sarau, das rodas de historia, dos encontros no em volta da fogueira, mais que isto dar vida a eles, fomentando toda uma nova geração de artistas e cidadãos que tem a arte e o contato humano como parte de sua criação e formação.